Mulheres incríveis da Biblioteconomia!

Laura Russo

Laura Garcia Moreno Russo foi uma mulher de extrema importância para a Biblioteconomia no Brasil, se não fossem pelos seus feitos e lutas, a profissão não seria nem a metade do que é hoje e nem teria o reconhecimento que tem.

Mas quem foi Laura Russo? Nascida em 1915 no dia 20 de fevereiro, em São Paulo.

Formação

Onde trabalhou?

  • Santa Casa de Misericórdia – SP (1942-1950)
  • Academia Paulista de Letras
  • Biblioteca Mário de Andrade – Diretora (1961-1968)
  • 1ª Presidente da Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários (FEBAB 1961-1974)
  • Conselho Federal de Biblioteconomia – Presidente (1966-1968)
  • Editora no Boletim Informativo FEBAB (1961-1970)
  • Editora na Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação (1973-1977)

O que conquistou para a Biblioteconomia

Que Laura Russo foi uma profissional íntegra e extremamente comprometida com a profissão, disso não temos dúvidas, mas o que exatamente ela fez pela biblioteconomia?

  • Foi responsável pela elaboração do projeto de lei que, em seguida, tornou-se a Lei do Bibliotecário, você a conhece? Lei 4.804/1962, que nos garantiu o reconhecimento da profissão.
  • Em conjunto com Rodolfo Rocha Júnior, criou a ideia da Federação Brasileira De Associações de Bibliotecários (FEBAB), sem a qual a Lei dos Bibliotecários não teria sido efetivamente validada, para defender e lutar pela classe bibliotecária.
  • Em 1961, Laura Russo elaborou a primeira versão do Código de Ética Profissional do Bibliotecário, que foi aprovado em 1963 no IV Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação.
  • Recebeu em 1962 um prêmio da Associação Paulista de Bibliotecários pela regulamentação da profissão. O prêmio foi uma placa de prata e uma homenagem.
  • Em 1966 participou da criação do Conselho Federal de Biblioteconomia (CFB), presidindo a primeira gestão.
  • Em 1998 o Conselho Regional de Biblioteconomia de São Paulo (CRB-8) criou o Prêmio Laura Russo, que objetiva premiar e reconhecer todas as ações voltadas para as iniciativas culturais e de uso da biblioteca em São Paulo.

Indiscutível foi (e continua sendo) o valor e a importância dessa mulher tão ilustre para Biblioteconomia e Documentação, embora tenha falecido em 2001, seu legado será perpetuado, lembrado e louvado pela biblioteconomia brasileira eternamente.

Nós do Santa abrimos a série #MulheresIncríveisnaBiblioteconomia com muita admiração e respeito pelo empenho, força e dedicação de Laura Russo

2 comentários em “Mulheres incríveis da Biblioteconomia!”

  1. Esdra Basilio

    Parabenizo o blog pela iniciativa de visibilizar mulheres protagonistas na história da biblioteconomia brasileira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
Rolar para cima