Dicas para o concurso do MP-PE

Olá pessoal!

Vamos analisar o edital do MP-PE e dar algumas dicas a todos que vão concorrer a essa 1 vaga + cadastro de reserva! Precisamos sempre ler o edital com atenção! Parece óbvio mas muitos ficam na ânsia de estudar que não detalham o que está sendo pedido pela banca. 


Recomendo sempre que você “perca” um tempo analisando o edital e depois você ganhará esse tempo estudando com mais foco e agilidade o que de fato irá ser cobrado! 

Pra começar a vaga é de Analista Ministerial – Área Biblioteconomia: Requisitos Concurso MP PE: Diploma de curso superior em nível de graduação em Biblioteconomia, devidamente registrado no Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional da categoria.

Descrição sumária das suas futuras atividades segundo o edital: planejar, organizar, supervisionar, coordenar, avaliar e executar atividades referentes à pesquisa, estudo, catalogação, classificação e indexação bibliográfica de livros, periódicos e documentos, bem como o armazenamento, recuperação e disseminação de informações técnicas, sociais e culturais de interesse do Ministério Público do Estado de Pernambuco.

Descrição Específica: I – catalogar, indexar, classificar e armazenar as obras que compõem o acervo, em suporte impresso ou eletrônico; II – normalizar as obras editadas pelo Ministério Público Estadual de Pernambuco de acordo com as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT; III – supervisionar a utilização do acervo; IV -planejar e executar serviços de atendimento aos usuários identificando e provendo fontes de informação solicitadas; V – orientar os usuários em suas pesquisas; VI – realizar pesquisas, levantamentos e compilações bibliográficas de doutrina, legislação, jurisprudência e de outras fontes para auxílio aos usuários; VII – recuperar e disseminar informações de interesse para o Ministério Público Estadual de Pernambuco; VIII – planejar, coordenar e implantar política de desenvolvimento e avaliação de coleções; IX – manter atualizada bases de dados de interesse para a Instituição; X -organizar e viabilizar serviço de intercâmbio com outras instituições; XI – supervisionar e executar o ordenamento de obras nas estantes; XII – zelar pela conservação do acervo; XIII – observar o estado físico do acervo e solicitar, quando necessário, serviços especializados de higienização e restauração; XIV – planejar, desenvolver e coordenar atividades culturais e de fomento à leitura; XV -divulgar os serviços e produtos da biblioteca; XVI – executar outros trabalhos técnicos ou administrativos inerentes à sua área de atuação, designados por autoridade competente.

Perceba que esse tópico não é o conteúdo programático e sim o que a instituição ESPERA que você como bibliotecário faça! Isso já mostra como a prova será estrutura, eles querem filtrar um bibliotecário nesse perfil, por isso atenção.

Todas as provas do Concurso MP PE serão realizadas na cidade de Recife – Estado de Pernambuco, com previsão de aplicação para o dia 02/12/2018, no período da TARDE para os cargos de Analista Ministerial – todas as áreas, incluindo biblioteconomia.

Os conteúdos de conhecimentos básicos são de Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico, Noções de Informática, e Legislação Aplicada ao MPPE divididas em 20 questões valendo 1 ponto. No nosso caso, temos as 30 questões de biblioteconomia como específicas valendo 3 pontos! Além disso há discursiva – Redação e prova de títulos.

Vão ser corrigidas as redações dos 30 primeiros colocados na classificação geral e as 6 dos primeiros colocados nas cotas. 

Na Prova Discursiva – Redação, o candidato deverá desenvolver texto dissertativo-argumentativo a partir de proposta única, sobre assunto de interesse geral. Considerando que o texto é único, os itens discriminados a seguir serão avaliados em estreita correlação:

– Conteúdo – até 50 (cinquenta) pontos:
a. perspectiva adotada no tratamento do tema;
b. capacidade de análise e senso crítico em relação ao tema proposto;c. consistência dos argumentos, clareza e coerência no seu encadeamento.

A nota será prejudicada, proporcionalmente, caso ocorra abordagem tangencial, parcial ou diluída em meio a divagações e/ou colagem de textos e de questões apresentados na prova.

Estrutura – até 40 (quarenta) pontos:
a. respeito ao gênero solicitado;
b. progressão textual e encadeamento de ideias;
c. articulação de frases e parágrafos (coesão textual).

Expressão – até 10 (dez) pontos:

A avaliação da expressão não será feita de modo estanque ou mecânico, mas sim de acordo com sua estreita correlação com o conteúdo e a estrutura. A avaliação será feita considerando-se:

  1. desempenho linguístico de acordo com o nível de conhecimento exigido para o Cargo/Área; adequação do
    nível de linguagem adotado à produção proposta e coerência no uso;
    b. domínio da norma culta formal, com atenção aos seguintes itens: estrutura sintática de orações e períodos,
    elementos coesivos;
    c. concordância verbal e nominal; pontuação; regência verbal e nominal; emprego de pronomes; flexão verbal
    e nominal; uso de tempos e modos verbais; grafia e acentuação.

Na aferição do critério de correção gramatical, por ocasião da avaliação do desempenho na Prova Discursiva – Redação, os candidatos devem usar as normas ortográficas em vigor a partir de 1 de janeiro de 2016, implementadas pelo Acordo Ortográfico da  Língua Portuguesa.

A Prova Discursiva – Redação terá caráter eliminatório e classificatório e será avaliada na escala de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, considerando-se habilitado o candidato que nela obtiver nota igual ou superior a 60 (sessenta) pontos.

ALGUMAS DICAS PARA OTIMIZAR O SEU ESTUDO:

  • O direito constitucional está em constante mudança. O STF e o STJ tomam decisões importantes toda a semana, e as chances dessas atualizações serem cobradas nos exames são bem grandes. Então a dica de ouro é: mantenha-se sempre atualizado!

  • A prova do MP PE possui matérias com pesos diferentes. As disciplinas de conhecimentos básicos possuem peso 1, e as de conhecimentos específicos (biblioteconomia no nosso caso) tem peso 3. A regra de ouro aqui é: estude 3x mais as disciplinas de peso 3, mas nunca deixe de se dedicar também as de menor peso. 

  • Não se preocupe tanto com a conferência de títulos. O título só é visto se o candidato for aprovado nas provas objetiva e discursiva. Claro que um doutorado fará diferença, mas ele não adiantará nada caso a nota nos exames for abaixo do corte. Não desista de tentar por causa do título!

  • São 4h de prova, divida bem seu tempo, não empaque em uma questão apenas, se você tem dúvidas pule, faça primeiro o que tem mais certeza e deixe as incertezas e prováveis chuteis pro final.

  • No conteúdo específico de biblioteconomia, eles colocam de forma NOMINAL as normas da ABNT, então estude essas em específico, não é necessário estudar todas as normas existentes para os bibliotecários.

  • Há esse item ” Informática: noções básicas de operação com editor de textos, planilha eletrônica, Internet etc” na parte específica, fique atento e dê uma estudada sobre.

  • Eles indicam que ética será cobrada no concurso, atenção pois o código de ética do bibliotecário foi atualizado recentemente, veja AQUI

  • Você já estudou o site da biblioteca do MPPE? Se não recomendo que entre lá! É muito importante pesquisar o que a biblioteca já oferece e suas bases! O sistema de automação por exemplo é o SIABI, recomendo que estude sobre ele. O site da biblioteca é esse AQUI

  • Por ser um concurso da área jurídica é muito importante que você estude documentação jurídica, normalização e fontes de informação jurídica! Certamente irá cair e são conceitos que quem não trabalha diretamente não sabe. Temos o nosso Curso especial jurídico que oferece esse conhecimento em vídeos e material em PDF, se inscrevendo você tem acesso imediato ao material. Para você conhecer clique AQUI

DICA EXTRA:

Se você mora em Recife, teremos um curso PRESENCIAL de revisão no dia 25/11, um domingo. Será uma oportunidade de revisar os conceitos de biblioteconomia 1 semana antes da prova e chegar tinindo para lutar por essa vaga! 

  • Horário: 9h às 18h com 1h de intervalo para almoço e intervalo.

  • Professora: Thalita Gama

  • Metodologia: Exposição dos conceitos de biblioteconomia apresentados no edital do MPPE, correção de questões relacionadas a área jurídica e a banca Fundação Carlos Chagas.

  • Local: Rua Dona Olegarina da Cunha, 288 – Poço da Panela, Recife – PE

  • Investimento: R$120,00 (é possível parcelar esse valor no pag seguro, porém com taxa)

  • Incluso no valor: Apostila impressa e coffee break nos intervalos. 

  • Para inscrição, mande e-mail: santabiblioteconomia@gmail.com

 

Ranganathan não faz milagre, estudar sim!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
Rolar para cima